鶹Ƶ

09.11.2023

Azulejaria é o tema de exposição de arquitetura, na FAE


link copiado
Compartilhe:
Trabalhos de alunos do curso integral de Arquitetura da FAE Centro Universitário estarão expostos no Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Paraná a partir do dia 8 de novembro
Trabalhos de alunos do curso integral de Arquitetura da FAE Centro Universitário estarão expostos no Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Paraná a partir do dia 8 de novembro

A azulejaria é o tema da exposição “Formas”, de estudantes do Architecture Experience Program (AEP), o curso de Arquitetura integral da FAE Centro Universitário. Oito trabalhos estarão expostos a partir do dia 8 de novembro, no Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Paraná (CAU-PR), em Curitiba. A abertura do evento está marcada para as 19h.

As peças que estarão expostas são resultado do trabalho feito em sala de aula na disciplina Manual and Creativity Skills, do AEP. O professor do curso, Fabio Henrique Faria, explica que trabalhar a azulejaria com os estudantes é importante porque se trata de um estilo que possibilita a abordagem de diferentes formas de aprendizado. “Com a azulejaria podemos trabalhar a modulação, a repetição, a composição dentro da Arquitetura. No AEP, os alunos ainda têm a oportunidade de agregar mais uma etapa a esse processo, que é a própria confecção dos azulejos. “Desde a modelagem da cerâmica crua até a esmaltação da superfície que receberá as pinturas”, explica o professor.

Os azulejos têm grande relação com preceitos da arquitetura moderna, e não é difícil encontrá-los ao se expandir o olhar pelas grandes cidades. Como explica Fabio, os arquitetos utilizam azulejos em painéis, paredes e murais dos edifícios e espaços públicos projetados. “Eles a utilizavam por conta do módulo, do fundo quase sempre branco, da oportunidade de exibir padrões geométricos, repetitivos e compositivos em uma ornamentação não rebuscada em excesso. Na arquitetura contemporânea a azulejaria e a artesania do processo também encontram cada vez mais interesse”, esclarece.

A azulejaria ficou bastante conhecida na península ibérica, mas tem sua origem na cultura árabe. No Brasil, foi introduzida durante o período colonial e permanece até hoje. Segundo o professor, com o passar do tempo, processos de industrialização da produção levaram os azulejos a uma condição mais simplista de revestimento, mas os trabalhos artísticos em azulejos nunca deixaram de existir, mesmo que em uma escala menor.

SERVIÇO

Exposição “Formas”

Quando: abertura no dia 8 de novembro até o dia 21 de novembro

Horário abertura: 19h

Horário da exposição a partir do dia 09/11: das 9h às 18h

Onde: CAU (Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Paraná)

Endereço: Av. N. Sra. da Luz, 2530 - Alto da XV, Curitiba (PR)

Evento gratuito.

 



link copiado
Compartilhe: